Aeronaves roubadas no sudoeste do PA não têm permissão para voar

Continua após a publicidade

A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) confirmou, na tarde desta segunda-feira (19), que as duas aeronaves roubadas entre os municípios de Itaituba e Jacareacanga, no sudoeste do Pará, não tinham permissão para voar.

De acordo com informações do Registro Aeronáutico Brasileiro (Rab), as duas estavam com certificados de aeronavegabilidade suspensos, entre os motivos, porque os proprietários não apresentaram certificado de manutenção exigido.

As duas aeronaves de pequeno porte, tipo Cessna 206 prefixos PR XAU e PT KAI, foram roubadas pela manhã de uma pista de pouso na localidade conhecida como Km 180, nas proximidades da rodovia Transamazônica. O caso foi registrado na Delegacia de Itaituba.

De acordo com a Polícia, um grupo armado com cerca de seis homens renderam os funcionários do ponto de apoio às aeronaves, que são de diferentes proprietários e eram usadas em frete para garimpos na região. Os funcionários foram amarrados e deixados no local. A Polícia trabalha com a possibilidade dos suspeitos serem estrangeiros.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

error: Conteúdo protegido.