Menu
Search
Close this search box.

Pela primeira vez, mulher indígena de 28 anos assume o posto de cacique do povo Xikrin do Cateté

Continua após a publicidade

Um momento histórico foi registrado pelo povo Xikrin do Cateté, no município de Parauapebas. Em uma cerimônia ocorrida no último sábado, uma mulher assumiu o posto de cacique do povoado. O momento contou com a participação de representantes de 11 aldeias Xikrin, além de outras 43 aldeias Kayapó e de autoridades do município.

Kôkôti Xikrin, de 28 anos, foi escolhida pelo pai e aprovada pela comunidade por ser uma liderança das causas indígenas. A nova cacique é casada, mãe de três filhos e vem de uma longa linhagem de caciques. “Agora, mesmo que as índias da nossa tribo não falem português, elas têm voz e têm força”, comemora.

Os Xikrin vivem em terra indígena localizada nos municípios Água Azul do Norte, Marabá, Parauapebas, sudeste do estado. A nação Xikrin reúne uma população de cerca de dois mil indígenas.

Fonte: Portal Roma News

Compartilhe essa matéria:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *