Search
Close this search box.

Homem é atingido por tiro acidental durante caçada no Pará

O autor do disparo teria sido um amigo da vítima, que segue internada em um hospital de Parauapebas

Gilvandro dos Santos Melo Sobrinho foi executado a tiros por suspeitos na Rodovia Augusto Montenegro (Foto: Reprodução)
Gilvandro dos Santos Melo Sobrinho foi executado a tiros por suspeitos na Rodovia Augusto Montenegro (Foto: Reprodução)
Continua após a publicidade

Um homem identificado como Bento Américo foi atingido por um tiro acidental durante uma caçada no final da tarde da última terça-feira (11). O caso aconteceu na Vila Carimã, zona rural de Marabá, no sudeste paraense. O disparo teria sido efetuado por um amigo de Bento, que não teve identidade divulgada. Não há confirmação se o mesmo já foi localizado e ouvido pela polícia.

Na manhã desta quarta-feira (12​), o delegado da Polícia Civil de Parauapebas, Melquesedeque da Silva Ribeiro, informou ao portal Correio de Carajás que uma equipe esteve no hospital onde Bento está internado para colher mais informações sobre o caso. Ele confirmou à polícia que um amigo que o acompanhava na caçada foi o autor do disparo, mas, alegou tratar-se de um ato não intencional. Entretanto, preferiu não revelar a identidade do mesmo.

Bento justificou ainda qu​e o amigo foi o responsável por socorrê-lo e encaminhá-lo ao hospital em Parauapebas, uma vez que a distância da vila até o município é menor do que em relação à Marabá. Ele está hospitalizado, consciente e não corre rico de morte, detalhou o delegado.

Ainda conforme Melquesedeque, por se tratar da circunscrição de Marabá, o caso não será apurado pela Polícia Civil de Parauapebas. No entanto, a vítima foi orientada a registrar um Boletim de Ocorrência, para prestar os primeiros esclarecimentos sobre o caso.

(Com informações do Correio de Carajás)

Compartilhe essa matéria:

WhatsApp
Facebook
Twitter
LinkedIn

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *