Companhia aérea amplia voos comerciais e passará a atender mais oito localidades na região oeste do Pará em 2021

Medida foi possível após a redução da tributação do ICMS para companhias aéreas que desejam investir no Estado.

Continua após a publicidade

A quantidade de voos comerciais na região oeste do estado deve aumentar até o fim deste ano, atendendo outros municípios. Um plano de expansão foi apresentado ao Governo do Pará nesta terça-feira (14) e prevê a ampliação, dividida em três fases, sendo a primeira direcionada às cidades do Baixo Amazonas.

A ampliação será feita pela Azul Linhas Aéreas. De acordo com o Governo do Estado, a medida foi possível após a redução da tributação do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS) para companhia aéreas que desejam investir no Pará.

Atualmente, a Companhia atende cinco municípios paraenses. A empresa interliga Belém a Altamira, Santarém, Marabá e Carajás. Além disso, a Azul possui um rede doméstica a partir do aeroporto de Belém, além de ligações interestaduais também a partir de Marabá, Santarém e Carajás.

O plano de expansão no Pará contempla três fases. Na primeira, prevista para novembro deste ano, por meio da uma subsidiária, a companhia passaria a atender mais nove destinos: Itaituba, Porto Trombetas (Oriximiná), Monte Dourado (Almeirim), Almeirim, Juruti, Monte Alegre, Óbidos e Oriximiná, na região oeste, além do município de Breves.

Em dezembro de 2021, a segunda fase do plano prevê a introdução de operações em Salinópolis, Tucuruí e Paragominas, desde que estejam com a certificação da Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e a infraestrutura local suporte a operação regular e segura do Cessna Gran Caravan. Já em abril de 2022, as localidades de Itaituba e Porto Trombetas, distrito de Oriximiná, passarão a ser atendidas com aeronaves ATR 72-600, cumprindo assim a última etapa do plano de expansão da companhia.

Fonte: G1 Santarém

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *