Norte Energia realiza 2º Exercício Simulado em Escala Real com moradores de áreas próximas à UHE Belo Monte

Atividade simula situações reais de emergência, o que inclui aviso de alerta por sirenes e evacuação para pontos estratégicos já mapeados e devidamente sinalizados

Foto Jaime Souzza - Divulgação Norte Energia
Foto Jaime Souzza - Divulgação Norte Energia
Continua após a publicidade

A Norte Energia, empresa privada, concessionária da Usina Hidrelétrica Belo Monte realiza este mês o 2º Exercício Simulado em Escala Real com moradores das comunidades situadas no entorno do complexo hidrelétrico. Na última sexta-feira, 19, foi a vez da comunidade Bambu, no município de Senador José Porfírio, sudoeste do Pará, participar da atividade, que é prevista no Plano de Ação de Emergência (PAE) e integra o Plano de Segurança de Barragens (PSB) da Usina. Até o final de novembro, 10 localidades participarão dos simulados realizados pela empresa, em conjunto com os órgãos de proteção e defesa civil.

A atividade ocorre a cada dois anos e atende a Política Nacional de Segurança de Barragens. O objetivo é orientar a população do entorno do empreendimento sobre as ações preventivas e treiná-la quanto aos procedimentos de segurança. Para isso, são realizadas ações simuladas de evacuação, que incluem avisos de alertas por sirenes e orientações sobre o uso de rotas de melhor caminho para pontos estratégicos, seguros e previamente sinalizados.

Simulado do PSB/PAE, Comunidade Bambu, Senador José Porfirio. Foto: Jaime Souzza/Norte Energia

Os moradores são informados previamente e participam da ação, junto com os profissionais da empresa e da Defesa Civil, para avaliar a efetividade dos treinamentos teóricos realizados nas comunidades e testar os elementos de autoproteção implantados. “A proposta de um simulado é promover e desenvolver, junto à população, toda a competência necessária para enfrentar uma eventual emergência. Além disso, a empresa e a Defesa Civil têm a oportunidade de avaliar todo o sistema implantado. Entendemos que este objetivo foi alcançado”, comentou o gerente de Segurança de Barragens e Plano de Ação de Emergência (PAE) da Norte Energia, Marcelo Boaventura.

Morador da comunidade Bambu, Elenilto de Lima participou da atividade com a mulher e os dois filhos. “A gente tem direcionamento e instruções. Recebemos visitas da Norte Energia e estou muito grato em participar. As crianças também gostaram”, afirmou.

Além de moradora, Maria Nascimento Araújo também é diretora da única escola da comunidade. Ela mobilizou funcionários e alunos da instituição para participar do simulado. “É importante para termos noção da situação que pode acontecer. A Norte Energia está sempre acompanhando a gente, explicando e fazendo simulados”, destacou.

“A Defesa Civil do Estado apoia a Norte Energia no atendimento imediato à comunidade, em avaliações de riscos geológicos e hídricos, retirando as pessoas e as colocando em locais considerados mais seguros”, explicou o técnico da Defesa Civil do Estado, Roberto Barbosa. A entidade participa de todos os simulados para treinar como agir em possíveis situações de crise.

Além dos exercícios em escala real, o Plano de Segurança de Barragens da Usina Hidrelétrica Belo Monte inclui inspeções técnicas contínuas nas estruturas do empreendimento, desenvolvidas por uma equipe especializada da Norte Energia e fiscalizadas pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL). “Hoje são cerca de 160 profissionais envolvidos nas inspeções de campo e manutenção das estruturas. Temos também mais de 2.600 instrumentos monitorando as barragens. São atividades que, juntamente com a realização de treinamentos e simulados, integram um robusto sistema de gestão de segurança de barragens, e que nos permite afirmar que as estruturas de Belo Monte são seguras”, conclui o Superintendente de Manutenção da Norte Energia, Wagner Santos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *