Vice-prefeito de Brasil Novo permanecerá no cargo

Continua após a publicidade

Os vereadores de Brasil Novo abriram a sessão para definir sobre a cassação do mandato do vice-prefeito do município, Geraldo Lorenzoni Júnior. Os nove vereadores estiveram presentes na sessão extraordinária. O vice-prefeito também esteve no local acompanhado de dois advogados. Durante a sessão foi apresentado um parecer sobre a denúncia feita contra o vice. Logo após iniciou a votação.

Alvo de investigação de uma comissão na câmara, Geraldo foi afastado do cargo desde o dia 04 de fevereiro deste ano. Ele é acusado de infrações político-administrativas.

No dia 21 de novembro do ano passado foi flagrada uma máquina tipo motoniveladora, que pertence a prefeitura municipal de Brasil Novo, fazendo um serviço em um posto de propriedade dos pais do vice-prefeito. Geralddo Lorenzoni teria utilizado o veículo quando estava no exercício interino no cargo de prefeito.

Com a cassação do mandato de Lorenzoni, o município ficaria sem o vice-prefeito. Em caso de viagens do chefe do executivo, quem assumiria a prefeitura seria o atual presidente da casa de leis, o vereador Aurino Martins. Ao final dos votos cinco vereadores foram a favor e quatro foram contra. Lorenzoni confirmou que usou a máquina, mas que não houve crime.

A denúncia foi registrada por fotos e vídeos e compartilhada em rede social. Para que o processo de cassação fosse concluído, precisaria de seis votos a favor. Como não foi o número necessário para a conclusão do processo, o vice voltará aos serviços normais.
Fonte: Portal Confirma Notícia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *